Banda Filarmónica do Paúl

Clique na imagem para ver o tamanho original

Fundada supostamente a 30 de abril de 1815, a Banda Filarmónica do Paul, situada no concelho da Covilhã, é uma secular instituição com um passado e historial rico. A sua designação social até 1977 era Sociedade Filarmónica Recreativa Paulense, mas após publicação em Diário da República em 12 de maio do mesmo ano, passou a designar-se Associação Cultural Desportiva Paulense. Não se conhece ao certo os seus fundadores, todavia, segundo rezam as crónicas escritas relativamente à época, terão sido Luiz Soares Gil e João da Fonseca que em 1874 deram o impulso decisivo à banda.

Acolheu no seu seio vários maestros como D. Filipe Perez, Ribeirinho, António José de Almeida, Sousa, Assis, João Valente, Alfredo Oliveira, António Geraldes, José Quintela, Renato Andrade, Rui Sousa e atualmente conta novamente com António Manuel Duarte André.

A Banda Filarmónica do Paul tem, de algum modo, conseguido fazer a simbiose perfeita entre gerações tão distintas e faixas etárias diferenciadas, assentando nela uma vitalidade e o garante de uma entidade com um prestimoso trabalho desenvolvido em prol da comunidade paulense e da região, preservando acima de tudo a identidade cultural de um povo.

A Associação Cultural Desportiva Paulense assenta na preocupação de interpretar peças musicais de alta qualidade, para assim abranger um leque alargado de público e procurar a convivência de várias gerações que apreciam o gosto pela música. Tem sido solicitada para vários eventos em todo o país, deixando uma boa prestação por onde passa. Em 1997, deixou o seu espólio registado numa edição áudio intitulada Harmonias Mágicas. Paralelamente às atividades musicais da Banda, esta mantém em funcionamento uma Escola de Música, assim como a aposta em várias atividades culturais. Fruto desta aposta, realizou o I, II e III Tunesband (Festival de Tunas e Bandas Filarmónicas, (1999, 2000 e 2014), as edições do Futmusic (torneio de futsal – 1998; 2000; 2001; 2002 e 2014), uma ação de formação sobre Manutenção de Instrumentos Musicais (2004), edições de Pedais Musicais (Passeios / Convívios de BTT – 2004 a 2006, 2013, 2014 e 2015), uma Romaria em honra de Santa Cecília (2004), Concerto em honra de St.ª Cecília (2011 a 2016) um Baile e Desfile de Carnaval (2011 a 2016), o I Masterclasse de Clarinete e Tuba (2005), Masterclasses de todos os Naipes (2012 e 2013), sete edições de Festivais de Bandas Filarmónicas (último no Jardim do Lago na Covilhã, com colaboração da Câmara Municipal da Covilhã – 2005), participação na Feira das Freguesias (2006), comemoração do Dia Mundial da Música (2006 e 2011), colaboração na realização das 9 edições da Pegada pela Saúde (caminhada pelos trilhos da vila com rastreio de saúde), realização das Festividades Filarmónicas (arraial popular – 2001 a 2015), promoção do Atelier Filarmónico – ocupação de tempos livres (2011 a 2016), realização de um Concerto Solidário, com o objetivo de angariar bens alimentares e vestuário para famílias carenciadas da vila (2012) e de um Concerto de primavera (2013), promoção dos Ensaios de rua (2012 a 2016), participação nas 4 edições do Covilhã Filarmónico (2007 a 2010), cooperação na formação da Federação Regional de Bandas Filarmónicas do Distrito de Castelo Branco, da qual é sócio fundadora, participação no Desfile de Bandas Filarmónicas pela Av. Da Liberdade em Lisboa pelas comemorações do dia 1 de dezembro (2015) e atribuição de Medalha de Mérito pelos seus 200 anos de existência pela Câmara Municipal da Covilhã (2015).

No decorrer do ano de 2017 foi desenvolvido um projeto pioneiro e único, que consistiu na apresentação de uma obra original, da autoria e orientação de André Prata, dedicada ao centenário das aparições de Nossa Senhora em Fátima, no qual existiu a colaboração da Banda Filarmónica com outras entidades procurando a promoção do associativismo e desenvolvimento cultural. A Banda Filarmónica do Paul, realizou no Auditório do Unidos do Tortosendo um concerto, no dia 24 de fevereiro de 2018, para formalizar a assinatura de um protocolo com a Junta de Freguesia do Tortosendo, relativo ao projeto “Música nas Freguesias”. Este com o principal objetivo de criar uma escola de música, de forma a possibilitar o acesso à aprendizagem musical nas freguesias que não têm uma banda filarmónica. Pretende proporcionar o acesso gratuito à música a todas as crianças (com mais de 6 anos), jovens e/ou adultos das freguesias vizinhas à Vila de Paul, possibilitando assim a aprendizagem tanto da formação musical como de um instrumento.
No dia 28 abril de 2018, a Banda Filarmónica do Paul apostou noutro projeto único e pioneiro, denominado “12h de Filarmonia”, o mesmo foi um sucesso e contou com a participação de 7 Filarmónicas de várias localidades, que tocaram ininterruptamente durante 12 horas, adotando o lema “A União faz a Música”.

No seu Historial conta também com a presença em países europeus, como França e Suíça, assim como a participação em programas televisivos. Para além de um leque alargado de eventos que organiza, participa ainda em festas, romarias e concertos, sendo estas atividades o principal sustento desta secular instituição.


Dados da Banda

Morada: Rua Carlos Pinto
CP: 6215-443 Paul
Telefone: 275 962 311
E-mail: bandafilarmonicapaul@hotmail.com
Website: https://www.facebook.com/Banda-Filarmónica-Paul-502130673289441/