António José Borges de Brito nasceu a 9 de Abril de 1982, em Ramalde, Porto. Iniciou os seus estudos musicais aos 5 anos na classe de Piano da professora Ester Leão Rosas. Aos 10 anos, ingressou no Conservatório de Música do Porto, no instrumento Violino, na classe do professor Rogerio Krieger, prosseguindo estudos com Radu Ungureanu e Malgorzata Wierzba. Anos mais tarde, começou a aprender Trompete também no Conservatório de Música do Porto, com o professor Paulo Silva, prosseguindo estudos com o professor Rui Brito e Manuel Luís Azevedo.

Enquanto músico filarmónico fez parte da Banda de Música da Trofa e da Associação Recreativa e Musical de Vilela e enquanto músico de Orquestra Ligeira pertenceu à Orquestra Ligeira do Vale do Sousa, tendo já CDs editados. Como instrumentista destacam-se os Master Classes com Gary Farr, Vasco Faria, Hugo Santos e Jorge Almeida, assim como actuações em diversos locais, como por exemplo a EXPO´98, Casa da Música, para canais de rádio e televisão, e para entidades, como o Presidente de Câmara do Porto, Presidente da República, Bispos e outras ilustres figuras.

Participou num curso Internacional de Jovens Músicos organizado pelo INATEL, sendo depois convidado em ingressar noutros em anos seguintes. Participou com regularidade na Orquestra Sinfónica da Bairrada tendo como director pedagógico o Prof. Carlos Marques. Trabalhou com diversos Maestros, de onde se destacam Miguel Moreno Guna e Jan Van der Roost. Como pedagogo já leccionou a disciplina de “Iniciação Musical” em dois colégios do concelho do Porto e “Piano – Iniciação”.

Participou na qualidade de orador convidado em Palestra sobre Acústicas de Salas, área em que dá apoio na consultoria de projectos. Quanto à regência de Banda e Orquestras, participou em vários cursos de aperfeiçoamento e Master Classes com os professores: António Saiote, Carlos Marques, Baldur Brönnimannm, Robert Houlihan, Florian Totan, Cesário Costa, Franscisco Ferreira, Major Montezo, José Manuel Brito, José Pedro Figueiredo, Adelino Mota, Maestro Alberto Roque e mais recentemente com os Maestros Rafa Agulló-Albors e Francisco Navarro Lara.

Terminou o Curso completo de Música no Conservatório de Música do Porto no instrumento Trompete, tendo adquirido, entretanto, o 5º grau na classe de Violino. É, desde 1 de Novembro de 2006 Maestro Titular da Banda Filarmónica Verdi Cambrense assim como Professor e Director Pedagógico da Escola de Música da referida Banda.

É Mestre em Engenharia Civil pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), onde frequenta regularmente cursos, colóquios e conferências na área da Engenharia Civil e Acústica

Maestro na Banda: