Agenda :

De momento não existem eventos registados

15 de Outubro, 2019

Banda Nova de Fermentelos irá marcar presença no AgitÁgueda no próximo domingo à noite

Clique na imagem para ver o tamanho original

Todos os anos, desde 2006, Águeda oferece um Verão cheio de música, cor, criatividade e imaginação…

O evento oferece 23 dias de intensa programação cultural com muitos espetáculos musicais, animação de rua, DJ’s, performances, tasquinhas, o espaço Agitakids e o já célebre projeto “The Umbrella Sky”, uma instalação artística de milhares de chapéus-de-chuva coloridos que flutuam pelas ruas da cidade, a que se juntam outros projetos de arte urbana, como bancos de jardim, escadarias, colunas, e mais, pintados com variações cromáticas apelativas.

Até 28 de julho, mais uma vez, Águeda é palco para alguns dos mais consagrados artistas e bandas nacionais e internacionais, oferecendo uma programação de qualidade, dirigida a todos os públicos, e com entrada gratuita.

Na noite de 21 de julho, domingo, pelas 22h00, sobe ao palco do AgitÁgueda o cantor FF com a Banda Nova de Fermentelos, para interpretarem os seus clássicos de forma inesquecível, juntando os sons da filarmonia ao esplendor do canto.

FF, nome artístico de Fernando Fernandes, é um excelente cantor, tendo um modo muito próprio de interpretar, que é uma mais valia e o distingue como um dos maiores valores da atualidade. FF, em 2012 participou no concurso da TVI “A Tua Cara Não Me É Estranha”, tendo vencido a grande final. Uma cara conhecida também pela sua presença numa das séries televisivas que mais fez sucesso na televisão portuguesa: Morangos com Açúcar. Mercê dos sucessos alcançados nos últimos anos e em participações televisivas, de enorme visibilidade, FF é muito apreciado pelos mais jovens, e não só, estando assim asseguradas as condições para uma noite em apoteose.

A Banda Nova de Fermentelos, fundada em 1921, é uma referência incontornável na filarmonia, com atuações ao longo de todo o país, na Europa (Espanha, Suíça e Liechtenstein), América (Brasil e Venezuela) e ilhas (Açores, Madeira e Baleares). Em termos discográficos, ao longo das duas últimas décadas, editou 17 CD’s, sendo duplo um deles, a que acresce um LP duplo, gravado em 1979, e duas cassetes, gravadas em 1990 e 1994. Conta com cerca de 80 elementos, maioritariamente jovens e formados na própria coletividade. Desde outubro de 2014, é dirigida pelo maestro Orlando Rocha.

Estão, pois, reunidos os ingredientes necessários para mais um grande concerto, dirigido pelo maestro Orlando Rocha, com a presença de um dos maiores cantores nacionais e a excelência de uma das bandas filarmónicas de referência. Não falte!

FF – Fernando Fernandes

Nasceu em Lisboa, em 1999.

Teve o seu primeiro contacto com os palcos no concurso televisivo “Bravo Bravíssimo”, da SIC, para jovens talentos, do qual saiu vencedor.

A partir desse momento, decidiu apostar na sua formação musical, tirando um curso básico de instrumento (canto, piano e violino).

Em 2002 começou um curso de representação na Escola Profissional de Teatro de Cascais. No final do curso, fez um casting para a série “Morangos com Açúcar, começando então a pôr em prática tudo aquilo que tinha aprendido nos últimos seis anos.

Esteve na série durante um ano, passando depois a ser conhecido como FF (as iniciais do seu nome). Desde então, participou em vários trabalhos musicais: “Fame”, “O Melhor de La Féria”, “Esta Vida é uma Cantiga” e “74.14”, entre outros.

Em 2012 participou no concurso da TVI “A Tua Cara Não Me É Estranha”, tendo vencido a grande final. Participou, juntamente com Vanessa Silva, em “Duetos”, sagrando-se vencedor na final.

Em 2014 lançou o disco SAFFRA. Longe dos tempos em que se estreou na série “Morangos Com Açúcar”, Fernando Fernandes, FF, é a voz destas canções, revelando, pela primeira vez, a sua essência enquanto cantor e compositor, naquele que considera ser o seu primeiro disco a solo. SAFFRA, foi produzido por Tiago Machado, habitual colaborador de Mariza, e tem participações especiais de Lura e Dulce Pontes, que também assina uma das canções, ao lado de nomes como Diogo Clemente, Manuel Paulo, Jorge Fernando e Tiago Torres da Silva.

SAFFRA é um projeto que funde a música tradicional portuguesa com a modernidade do Fado e que desperta cinematograficamente através da sonoridade clássica. De forma naif, mas consciente, SAFFRA transporta-nos à infância, balançando no peso da Saudade, mas sempre com o otimismo da colheita.

Atualmente, além dos concertos e participações com algumas das grandes Orquestras Nacionais, participa no musical “Simone” e no espetáculo “Zé Manel Taxista – Uma Comédia com Brilhantina”, de Maria Ruef.